Evidências

Em comparação com outros trabalhadores, os professores até têm bons salários.

por EDULOG


12 de setembro de 2019 |

Os professores portugueses entre os 25 e os 34 anos recebem em média mais 45% a 48% em relação aos restantes trabalhadores igualmente com curso superior.


Segundo o relatório “Education at a Glance 2019”, da OCDE, os professores portugueses têm uma vantagem salarial entre 45% e 48% em relação aos restantes trabalhadores qualificados.

Estes dados devem, contudo, ser olhados com ponderação. Se esta diferença ao nível dos vencimentos se verifica na faixa etária dos 25 aos 34 anos, no que diz respeito aos professores com idades entre os 45 e os 54 anos a vantagem salarial relativamente aos restantes licenciados é menor, variando entre 2% a 7%. Por essa razão, estes dados devem ser analisados atendendo à média de idades do corpo docente português, um indicador apresentado no mesmo relatório.

Portugal tem uma das classes docentes mais envelhecida da OCDE. Cerca de 40% dos professores do pré-escolar ao ensino secundário têm 50 ou mais anos, quando a média na OCDE é de 36%. Olhando para os docentes mais novos, cuja vantagem salarial se apresenta mais significativa, verificamos que apenas 1% dos professores tem menos de 30 anos, comparativamente à média de 10% da OCDE.

partilhar

artigos relacionados